A dependência química destrói sonhos, relacionamentos, futuros e famílias inteiras. Nesse sentido, a sociedade precisa estar cada vez mais unida para combater esse mal que, a cada dia, prejudica mais e mais pessoas. Em Fortaleza, as famílias irão se unir no próximo domingo, dia 3 de novembro, às 15h, na Praça da Imprensa, para uma marcha contra as drogas.

Marcha terá concentração na Praça da Imprensa.

A iniciativa é do Movimento Brasil Sem Drogas (MBD) e visa chamar atenção da sociedade cearense para a possível decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de legalizar todas as drogas no Brasil. Está na pauta do dia 6 de novembro o julgamento sobre a criminalização da posse de drogas para consumo próprio. “Caso o artigo 28 da lei 11.343/2006 (Lei de Drogas) seja revogado, o usuário poderá portar certa quantidade de drogas sem precisar responder a qualquer procedimento restritivo por parte do Estado”, explica o coordenador nacional do Movimento, Roberto Lasserre. A quantidade da droga portada não foi determinada e dependerá de algumas situações já previstas em lei.

“Não vamos permitir que o STF libere as drogas. Vamos nos unir e lutar pelos dois bens maiores que são a vida e a família”, afirmou Lasserre. Segundo ele, três ministros já se posicionaram sobre o assunto. “Gilmar Mendes se posicionou pela inconstitucionalidade da criminalização do porte de drogas para uso, sem restrição quanto às drogas. Já o ministro Luís Roberto Barroso votou apenas para a descriminalização do porte de maconha e foi acompanhado pelo ministro Luiz Edson Fachin”.

O coordenador nacional do Movimento Brasil sem drogas ainda reforçou que “o risco para nossa população jovem e mesmo a adulta será enorme, pois certamente irá aumentar o número de consumidores das drogas, causando enormes danos para toda a sociedade, dentre eles o aumento da violência. “Por exemplo, no Uruguai, em 2013, após a legalização, o chefe da Polícia Federal uruguaia deixou claro que a violência aumentou vertiginosamente depois da legalização da maconha no país”, completou.

Serviço: Marcha das Famílias contra as Drogas
Data: 3 de novembro de 2019 (domingo)
Horário: 15 horas
Local: Praça da Imprensa/ Av. Desembargador Moreira, esquina com Av. Antônio Sales.

Fonte: http://blogs.opovo.com.br