Semana Eucarística: O que é Lucernário

Nesse quarto dia de Semana Eucarística (dia 02/06), às 19h00min, teremos a realização do Lucernário, um ritual que ainda não vimos na nossa paróquia. Mas afinal, o que é o Lucernário?
Nos primeiros tempos da Igreja, os cristãos santificavam o fim do dia com uma prece comunitária. Nos mosteiros, cantavam-se as “Véspera” ou “Completas”. Nos meios paroquiais, porém, era costume fazer o “Ofício do Lucernário” e as antigas “Vigílias”, muito freqüentes, ainda, nas Igrejas Orientais.

O nome Lucernário faz alusão evidente às luzes que se acendiam ao findar o dia. Este rito tem a luz como centro. Os fiéis se reuniam nas igrejas para juntos fazerem a oração da noite do povo de Deus, agradecer os benefícios recebidos durante o dia e suplicar a proteção de Deus durante a noite que se iniciava.

O simbolismo da luz representa um papel importante no conteúdo das horas de Laudes e Véspera: a luz do novo dia é cantada como símbolo de Cristo ressuscitado; e as luzes que se acendem ao cair da noite recordam a luz plena e sem ocaso que é o próprio Cristo.

De fato, o início da Vigília Pascal é um vestígio do antigo Lucernário. Não se pode esquecer do papel que representa, na piedade popular, o fato de acender velas: constitui um símbolo da vida cristã que deve consumir-se dando luz e calor; e deve estar sempre pronto, como as Virgens Prudentes, com suas lâmpadas acesas.

Você e sua familía são convidados a estarem presentes celebrando conosco esse momento. Como a reflexão do dia sugere, assim como uma vela ilumina a escuridão, Deus indica o caminho a vida!
Adriano de Paula

Deixe uma resposta